• Indique o seu endereço de email para subscrever este blog e receber a nossa newsletter por email.

  • Arquivos

  • Visitantes

    • 299,461 Visitas
  • Google Translate:

  • Arquivos Mais Populares

  • Login

Transformar óleo usado em velas aromáticas

p1140917p1140911

Hoje foi dinamizado um workshop onde se transformou o óleo alimentar usado em velas aromáticas 100% ecológicas, no Jardim de Infância das Travessas. No âmbito do projeto 100% resíduos e em resultado da confeção dos doces típicos das festas natalícias, as crianças levaram muito óleo alimentar usado para as escolas, tornando possível iniciar a sua reciclagem, transformando-o em velas. Para as crianças, esta atividade parece um truque de magia, uma vez que entra numa máquina “tipo de café”, específica para óleo alimentar usado, que transforma depois óleo com cheiro a peixe, etc, e sai uma vela com um aroma muito agradável, sem parafina.
.
.
.

Anúncios

Formação para auxiliares de ação educativa

No âmbito da Agenda 21 e Projeto Educativo Municipal, foi realizada uma sessão sobre a separação seletiva de resíduos domésticos para os auxiliares de ação educativa ao serviço das escolas do Agrupamento de Escolas Dr. Serafim Leite.

Estas ações têm sido desenvolvidas para sensibilizar para a temática da separação selectiva e dotar os participantes de conhecimentos e curiosidades que facilitem a abordagem junto dos alunos das escolas onde trabalham. Estes profissionais são elementos fundamentais da comunidade escolar e que muito nos ajudarão a transmitir mais efusivamente e continuamente a mensagem, para a consequente obtenção de melhores resultados nesta área.


.
.
.

Formação de docentes e assistentes operacionais sobre separação seletiva

acao-separacao-residuos-2img_9270

O Agrupamento de Escolas João da Silva Correia promoveu palestras junto de alunos, professores e assistentes operacionais sobre a temática da separação seletiva. Estas palestras estão enquadradas no projeto 100% Resíduos e visam a promoção da separação seletiva, conhecer as vantagens da reciclagem, esclarecer dúvidas e mitos e dar exemplos concretos do contributo desta nas questões sociais e económicas do país. As duas sessões para alunos foram direcionadas para as turmas do 9º ano que vão utilizar os conhecimentos adquiridos e materiais disponibilizados para transmitir a informação aos quintos e sextos anos, no âmbito do trabalho que a EB 2,3 de S. João da Madeira se encontra a desenvolver no âmbito do programa Eco-Escolas.

A sessão vocacionada para professores e assistentes sociais juntou elementos da Escola Básica e Secundária João da Silva Correia e da EB 2,3 de S. João da Madeira que, rapidamente, se transformou num diálogo bastante participado entre os presentes.
.
.
.

100% resíduos: conheça os resultados do 2.º período

2º periodo

O projeto 100% resíduos continua a ser um dos mais participados pelas escolas sanjoanenses. De setembro e até final do 2.º periodo , as escolas entregaram 2917 sacos de resíduos de embalagens e 1900 L de óleo alimentar usado. Este ano o resíduo com mais relevância é o óleo alimentar usado, uma vez que é aquele que nos encontramos a trabalhar mais. Este resíduo é perigoso e tem um impacto muito negativo nos ecossistemas. Sabia que 1L de óleo alimentar usado polui 1 milhão de litros de água? E sabia que o óleo alimentar usado pode ser reciclado e dar origem a produtos novos, como, sabão e biodiesel? O óleo alimentar também é muito utilizado no fabrico de pasta de dente, detergentes, shampoo entre outros.Contribua para o encaminhamento correto deste resíduo e deposite-o nos oleões das escolas ou nos existentes na via pública.

Entretanto, conheça os resultados do concurso, relativo ao 2.º período letivo. Clique na foto para a ampliar e ler melhor os resultados por escola.
.
.
.

Projeto 100% Resíduos: sessões nas escolas

Mais de 200 sessões sobre o oleo alimentar usado foram dinamizadas nas escolas sanjoanenses este ano letivo. Estas contemplaram uma ação de sensibilização sobre a problemática da deposição incorreta deste resíduo e os elevados impactos negativos para os ecossistemas.

Alunos dos 3 aos 15 anos de idade referiram que a maior parte dos pais depositava o óleo alimentar usado na sanita ou no lava-loiça e compreenderam o problema que estavam a causar nos rios, provocando a poluição das linhas de água para além do entupimento dos coletores e problemas nas estações de tratamento de águas resíduais.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Para mudar este paradigma, no final de cada sessão construimos mini-oleões para que os alunos pudessem levar para casa um recipiente específico para a deposição deste resíduo perigoso. A imaginação ganhou asas e transformou simples garrafas de plástico em pequenas obras de arte, como se pode ver nas fotos.

O segundo momento contou com a colaboração da empresa ‘Vela por Óleo’ que possui um projeto de educação ambiental que consiste na recolha de oleo alimentar usado e na produção de velas aromátizadas ecológicas a partir deste resíduo. De uma forma simples, prática e segura, os alunos presenciaram a reciclagem do óleo alimentar usado e a obtenção de um produto novo e muito bem cheiroso! A cara de espanto foi uma constante e todos quiseram cheirar e cheirar as velas ecológicas! Nesta ação, os alunos despejaram o óleo alimentar usado no oleão e constataram que é impossível viver num rio com óleo, a vida deixa de ser possivel. Para além disso, sentiram o odor desagradavél libertado por este resíduo. O restante óleo alimentar usado é encaminhado para outras valorizações, nomeadamente para o fabrico de biodiesel, sabão, pasta de dente, detergentes, shampoos, entre outros.

O resultado deste trabalho já se começa a sentir com o aumento significativo da quantidade de oleo alimentar usado depositado nas escolas.
.
.
.

100% Resíduos: Conheça os resultados do 1.º período

1º periodo copy

O projeto 100% resíduos continua a ser um dos mais participados pelas escolas sanjoanenses. Relativamente ao 1º período, as escolas entregaram 1509 sacos de resíduos de embalagens e 967 L de óleo alimentar usado. Este ano o resíduo com mais relevância é o óleo alimentar usado, uma vez que é aquele que nos encontramos a trabalhar mais. Este resíduo é perigoso e tem um impacto muito negativo nos ecossistemas. Sabia que 1L de óleo alimentar usado polui 1 milhão de litros de água? E sabia que o óleo alimentar usado pode ser reciclado e dar origem a produtos novos, como, sabão e biodiesel? O óleo alimentar também é muito utilizado no fabrico de pasta de dente, detergentes, shampoo entre outros.Contribua para o encaminhamento correto deste resíduo e deposite-o nos oleões das escolas ou nos existentes na via pública.

Entretanto, conheça os resultados do concurso, relativo ao 1.º período letivo.
.
.
.

Projeto “Da Semente à Árvore” entra na sua segunda edição

DSCN1656

No dia 28 de janeiro o FUTURO regressou a S. João da Madeira para iniciar os trabalhos de mais uma edição do projeto-piloto “Da semente à Árvore”. Depois de no ano letivo passado termos estado nas escolas EB1 dos Ribeiros e EB 2,3 de S. João da Madeira, em 2015 as novas sementes vão germinar na EB1 de Casaldelo, local onde decorreu esta primeira sessão, e na EB 2,3 de S.João da Madeira. Nesta primeira visita, os destinatários foram os professores responsáveis pelas 7 turmas que irão fazer parte da edição deste ano. Contamos ainda com a presença da Engª Vera Neves da Câmara Municipal de S. João da Madeira e do Eng. Luis Côrte-Real do ICNF, que irá, mais uma vez, fazer parte desta iniciativa. Durante a pequena sessão teórica, foram abordadas as várias fases do projeto, salientou-se a importância dos serviços ecológicos prestados pelas florestas e reforçou-se o papel fundamental dos professores, como elo de ligação entre as instituições e técnicos parceiros neste projeto e os seus alunos e famílias.

Até ao final de março 160 crianças irão aprender a fazer uma sementeira na sua escola e irão plantar e adotar uma árvore nativa. Após a plantação, todos os alunos participantes irão colocar a sua árvore num mapa colaborativo, com a ajuda do arquiteto Nuno Gomes Lopes, voluntário do FUTURO, e seguir o seu estado e crescimento ao longo do tempo. S. João da Madeira vai ficar no mapa pelas melhores razões!

Esta ação desenvolvida no âmbito do FUTURO – projeto das 100.000 árvores na Área Metropolitana do Porto, foi promovida pelo CRE.Porto e cofinanciada pelo ON.2.

.
.
.